Desporto 30 junho 2017
Imagem dos aros olímpicos conjugada com praticantes de vários desportos | Foto: D.R.

Mais do que um evento desportivo, O Dia Olímpico, é um momento único para se conhecerem os valores do Desporto, onde a excelência, o respeito e a amizade são inspiradores para a vida.

Por Rita Nunes (IHC-FCSH-UNL / Comité Olímpico de Portugal)*

Atualmente no dia 23 de junho celebra-se a nível mundial o Dia Olímpico. Foi a 23 de junho de 1894 que se criou o Comité Olímpico Internacional (COI), entidade máxima do Movimento Olímpico. Foi também nessa data que se decidiu voltar a organizar os Jogos Olímpicos.

A decisão de se começar a celebrar esta efeméride aconteceu em 1947. Durante a 41.ª Sessão do Comité Olímpico Internacional, realizada em Estocolmo, o membro do COI na antiga Checoslováquia, Josef Gruss, apresentou um documento com uma proposta para a celebração do Dia Olímpico com o objetivo de se promover o Movimento Olímpico.

Esta proposta foi muito bem recebida e passados alguns meses, por ocasião da 42.ª Sessão do COI, realizada em janeiro de 1948, em St. Moritz (Suíça) foi adotada. Os Comités Olímpicos Nacionais foram então convidados a implementar nos seus países as celebrações do Dia Olímpico.

Foram nove os países que prontamente aderiram a estas celebrações. Áustria, Bélgica, Canadá, Grã-Bretanha, Grécia, Suíça, Uruguai, Venezuela e Portugal foram os pioneiros nestas celebrações.

Folheto do Dia Olímpico de 1948 (Fonte: Comité Olímpico de Portugal)

Sigfrid Edström, à data, presidente do Comité Olímpico Internacional, escreveu uma mensagem destinada aos jovens que seria traduzida e difundida através da rádio e divulgada na imprensa de 63 países.

Anos mais tarde, o Comité Olímpico Internacional recomendou, através da edição de 1978 da Carta Olímpica, que todos os Comités Olímpicos Nacionais organizassem um Dia Olímpico para se promover o Olimpismo.

Em 2009, também por iniciativa do Comité Olímpico Internacional foram introduzidos os pilares: “Mexe-te”, “Aprende” e “Descobre” para ampliar o âmbito das atividades propostas nas celebrações do Dia Olímpico.

Atualmente estas celebrações são organizadas por mais de 150 Comités Olímpicos Nacionais, realizam-se em todo o mundo milhares de atividades desportivas, exposições, debates e conferências educacionais, com o objetivo de promover a prática desportiva, o bem-estar, a cultura e a educação, através dos valores Olímpicos – Excelência, Amizade e Respeito – e dos três pilares do Dia Olímpico – Mexe-te, Aprende e Descobre.

Portugal, para além de país pioneiro nas celebrações do Dia Olímpico tem assinalado e celebrado anualmente esta data. Em 2017, estas celebrações realizaram-se em 16 cidades portuguesas e mobilizaram mais de 11.000 participantes.

(*) Publicada ao dia 30 de cada mês, a rubrica "História, Desporto e Olimpismo" é dedicada ao estudo das origens e evolução do desporto e do Movimento Olímpico em Portugal. Resulta de uma parceria entre o Instituto de História Contemporânea da Universidade Nova de Lisboa (IHC - UNL) e o Jornalíssimo e tem a coordenação científica de Rita Nunes, Diretora do Gabinete de Estudos e Projetos do Comité Olímpico de Portugal e investigadora do IHC.

e-max.it: your social media marketing partner
Escrito por Jornalissimo
Voltar