Desporto 20 março 2015
Os cães puxam o trenó ao longo de mais de 1600 quilómetros | Foto: Frank Kovalchek / Creative Commons

O vencedor tem 28 anos e demorou dez dias a percorrer os mais de 1600 quilómetros de percurso.

As corridas de trenó fazem parte da história do Alaska, o maior e um dos menos povoados estados norte-americanos, conhecido pelo seu clima polar.

A Iditarod é uma das mais célebres e realiza-se todos os anos em março. 

Cada trenó é puxado por mais de uma dezena de cães, devidamente calçados, e quem participa nesta competição desportiva está preparado para enfrentar condições meteorológicas extremas: tempestades de neve, temperaturas muito abaixo de zero, ventos fortes.

O percurso é de cerca de 1600 quilómetros.

O vencedor da edição de 2015 chama-se Dallas Seavey, tem 28 anos, e não é a primeira vez que vence a prova, em que o pai também já se sagrou campeão, mas que este ano não conseguiu cruzar a meta antes do filho.

Depois de vencer, Seavey pegou em dois dos seus cães que também tiveram direito a uma "coleira" de flores à volta do pescoço e serão certamente recompensados por uma boa dose de biscoitos depois da considerável soma (mais de 60 mil euros) recebida pelo dono.

Seavey começou a competição a 7 de março juntamente com 78 participantes, mas só 69 chegaram à meta. Um foi desqualificado, oito sofreram acidentes. Há duas vítimas mortais a registar, dois cães, um foi atropelado por um carro depois de se ter perdido logo na cerimónia oficial da competição. 

O vencedor não nega que a prova foi dura, mas diz que se divertiu muito com os seus huskies durante o percurso de 1600 quilómetros.

Se quiseres, podes espreitar o início da competição neste vídeo.

e-max.it: your social media marketing partner
Voltar