Com a “Copenhagen Wheel” todas as cidades vão parecer planas

Esta roda, com motor e conexão ‘wireless’, faz com que andar de bicicleta em cidades acidentadas deixe de ser um problema.

Não inventaram a roda, mas reinventaram-na, o que já não é pouco, sobretudo para quem vê na bicicleta um excelente meio-de-transporte.

Engenheiros do conceituado MIT – Instituto Tecnológico de Massachusetts (E.U.A.) – criaram uma roda especial capaz de transformar uma bicicleta convencional num veículo inteligente.

Com a “Copenhagen Wheel”, as cidades cheias de altos e baixos vão parecer planas.

A estrutura vermelha desta roda – que já se pode encomendar no site da empresa que a comercializa, a Superpedestrian – esconde um motor, uma bateria, sensores e conexão wireless.

Toda esta tecnologia, quando ligada a uma aplicação específica para smartphones, permite ativar um sistema e facilitar a vida ao ciclista quando este estiver numa situação de esforço. Ao subir uma ladeira, por exemplo.

Aí, o motor de 250W, que permite atingir os 25 quilómetros por hora, é ativado e pedalar torna-se tão simples como numa superfície plana.

Sendo a principal vantagem, esta roda com o nome da capital dinamarquesa (que financiou o seu desenvolvimento), tem muitas outras caraterísticas que a tornam num objeto de desejo.

O facto de estar ligada a um smartphone, permite ao ciclista saber, por exemplo, o número de quilómetros percorridos, quantas calorias queimou durante um determinado percurso, obter diferentes dados estatísticos acerca do uso que dela faz e, como não poderia deixar de ser, partilhar dados nas redes sociais.

Quem souber de programação, pode até desenvolver a aplicação de acordo com as suas necessidades, criando funções de monitorização personalizadas.

Outro aspeto interessante é que não é preciso ligar a bicicleta à corrente elétrica. A roda foi pensada para carregar-se com a energia gerada durante as descidas e as travagens.

Se o utilizador quiser, por vezes, que a bicicleta seja menos inteligente, ou seja, que não detete o esforço que está a fazer automaticamente e o deixe pedalar como numa bicicleta normal, basta dar essa indicação.

Desenvolvida em 2009, a “Copenhagen Wheel” começou este ano a ser produzida industrialmente. Nos últimos meses, milhares de pessoas de todo o mundo já a encomendaram na página da Superpedestrian, que espera começar a fazer as entregas no final da Primavera.

O preço? Cerca de 850 euros.

Vê o vídeo (em inglês), em que um dos designers desta roda mágica te explica como foi criada e como funciona a invenção.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *