OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Preocupas-te em estar informado? Através de que meios te informas?

Vê as respostas à pergunta da semana passada.

Se és daquelas pessoas que não liga muito às notícias e à atualidade tens de ler este artigo: 10 Razões por que vale a pena estar informado.

André Ribeiro, 17 anos: “Interesso-me por notícias. Obtenho a informação mais por aquelas aplicações do telemóvel que dão o tempo e as principais notícias do dia. Não vejo todos os dias, mas vejo com alguma frequência. Jornais só leio os desportivos e mesmo assim pouco.”

Carolina Ferro, 17 anos: “Sim, preocupo. Uso mais a Internet para estar a par do que se passa. Às vezes há coisas que aparecem nas redes sociais, outras vezes a minha mãe pesquisa assuntos de atualidade e manda-me os links. Se temos oportunidade de saber mais sobre o mundo em que vivemos, acho que nos devemos interessar.”

Catarina Azevedo, 15 anos: “Costumo ver as notícias na televisão quando os meus pais estão a ver. Também vejo algumas no Facebook, quando aparecem. Raramente vou à procura, só quando acontece alguma coisa que quero saber mesmo.”

Diogo Pádua, 14 anos: “Mais ou menos… Não tenho muito tempo para ligar às notícias. Estou sempre muito atarefado com  o desporto (jogo futebol) e com  o estudo. Não costumo ler jornais, mas quando leio são desportivos”.”

Diogo Rodrigues, 17 anos: “Informo-me sobretudo nas redes sociais, através de notícias partilhadas por amigos e familiares. Interesso-me sobretudo por desporto. Costumo ler O Jogo em papel ao domingo de manhã, quando vou para casa do meu avô.”

Enya, 14 anos: “Interesso-me um pouco por tudo. Não leio jornais, mas vejo a SIC e o Telejornal e às vezes aparecem-me notícias no mural e também leio.”

Filipe Inácio, 17 anos: “Quanto mais velhos ficamos mais necessidade temos em estar informados. Às vezes são os meios em que nos movemos que nos dão essa necessidade. Se estamos informados, estamos sempre um passo à frente em termos de conversa. As notícias desportivas interessam-me desde sempre, mas hoje gosto de ver o telejornal quando acordo, enquanto tomo o pequeno-almoço. Vejo mais a SIC e a TVI e leio sobretudo o JN e A Bola.”

Francisca Oliveira, 15 anos: “Interesso-me por estar informado. Vejo as notícias na televisão à hora de jantar na SIC ou na TVI. O que me interessa mais é futebol. Jornais não leio, mas gosto de saber o que se passa.”

Francisco Oliveira, 17 anos: “Nem por isso, não tenho grande interesse, só mais a nível desportivo e leio sobretudo notícias que me aparecem no Facebook.”

João Sousa, 16 anos: “Ligo muito mais às notícias desportivas do que às outras. Sigo-as online, n’A Bola, n’O jogo, no Record e também gosto de assistir a painéis desportivos. As outras notícias não me despertam muito interesse. Vou ter tempo para lá chegar!”

Leonor Carvalho, 15 anos: “Acho que é importante ver as notícias. Principalmente interesso-me pelo terrorismo, é o que me preocupa mais. Não leio jornais, sigo as notícias na televisão. Só vejo porque os meus pais veem, se eles não estiverem vejo séries e filmes.”

Leonor Cavaleiro, 15 anos: “Não me interesso muito por notícias. Não gosto de ler em geral.”

Manuel Correia, 18 anos: “Eu é muito à base do Telejornal, os meus pais põem e eu ouço, à hora de jantar e às vezes também ao almoço. E de desporto tenho aplicações no telemóvel que me dizem os resultados e fazem o resumo dos jogos.”

Matilde Cavaleiro, 15 anos: “Só vejo as notícias na televisão à noite quando os meus pais estão a ver. Não leio jornais, não gosto.”

Nuno Oliveira, 19 anos: “Às vezes preocupo-me, mas é mais por notícias relacionadas com desporto. A política, por exemplo, não me interessa tanto”.

Pedro Fontes, 15 anos: “Preocupo-me em estar informado porque acho que é importante  estarmos atualizados em relação a tudo. Vejo as notícias principalmente na televisão. Os meus pais veem, mas se eles não puserem nas notícias, ponho eu.

Pedro Prisco, 18 anos: “Informo-me maioritariamente através da Internet. E é maioritariamente o desporto que me interessa, vou muito ao Jogo online. Também me interesso por Economia, sigo o ‘(Business) Insider’ e o ‘The Huffington Post’. Não me interesso pelo que vem nos telejornais, gosto de selecionar aquilo que quero. Acho que é importante estar informado, permite-nos estar em conexão com o resto do mundo, saber o que se passa nos outros lugares.”

Ruben Neves, 19 anos: “Preocupo-me em estar informado em temas que interferem com a minha vida. Vejo as notícias na televisão e em jornais online: A Bola, O Jogo, A voz da Póvoa, o Correio da Manhã, o JN.

Susana Cerqueira, 17 anos: “Não vejo muito as notícias porque raramente vejo televisão, e jornais vejo ainda menos. Na minha família quase ninguém vê telejornais. Na verdade só vejo mais no Facebook quando me aparecem no mural. Sigo O Jogo, o JN e o Correio da Manhã”.”

Tiago Correia, 18 anos: “Não me interesso muito por notícias. Sei que temos de estar informados, mas não é algo que me cative. Por vezes aquilo que sai não retrata bem aquilo que se passou. Interesso-me mais por assuntos de que gosto, por exemplo desporto e economia, que é o meu curso.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *