Qual é a tua opinião sobre o Acordo Ortográfico?

Será que a maioria está de “acordo” ou, pelo contrário, se opõe às novas regras que regem a nossa língua?

Vê o vídeo com as respostas e lê também a opinião de quem preferiu expressar-se por escrito, logo a seguir. 

Rita, 23 anos:

“Concordo com o acordo ortográfico na medida em que uma língua não é mais do que a população que a usa. É um meio de comunicação e, se for mais simples e facilitar essa ação, acho que é um objetivo cumprido. Se tudo evolui, porque não a língua e a sua escrita? E, na verdade, a própria língua portuguesa já sofreu muitas alterações desde o seu início”. 

Maria, 21 anos:

“Acho o acordo ortográfico uma maneira de tornar a língua portuguesa mais fácil de aprender e acho que o antigo acordo estava um pouco preso ao passado. Este acordo está mais atualizado, é mais intuitivo e melhor, na minha opinião”.

Sara, 21 anos: 

“Na minha opinião, o novo acordo ortográfico teve um impacto ao nível da necessidade de adaptação forçada a regras de escrita distintas das que nos foram inicialmente ensinadas. Por outro lado, a tentativa de uniformizar uma língua que pertence a um país com uma cultura própria pode trazer vantagens. No entanto, ao eliminarem-se as diferenças entre os dialetos, talvez se percam as caraterísticas singulares de cada cultura (ao nível da escrita)”.

Sara, 24 anos:

“O acordo ortográfico, apenas numa perspetiva algo egoísta, apresenta várias dificuldades para mim. Faz-me imensa confusão que grande parte das palavras que eu sempre escrevi de uma determinada forma e que, depois, na escrita, é um processo algo inconsciente, se tenha tornado para mim um processo consciente, em que tenho de verificar várias vezes se as palavras estão de acordo com o novo acordo ortográfico ou não. A nível global, ou seja, o motivo pelo qual se criou este acordo, apresentando vantagens (que eu por falta de conhecimento desconheço), penso que de facto temos apenas de nos adaptar”. 

 Duarte 

“Eu não concordo com o acordo ortográfico”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *