Dentro desta caixa cabe um quarto completo

Parece magia este conceito de “mobiliário móvel” inventado por dois estudantes de design alemães.

“Nada se perde, tudo se transforma”. O princípio de Lavoisier aplica-se à Casulo, que nasceu de um projeto de fim de curso e chegou ao mercado.

Marcel Krings e Sebastian Mühlhäuser apresentaram como trabalho final, na Escola Internacional de Design de Colónia, um produto feito a pensar em quem anda sempre a saltar de um lado para o outro.

Idealizaram uma caixa de 120 x 80 x 95 centímetros (as medidas de uma embalagem de transporte padrão na Europa), onde coubesse tudo o que é preciso para montar um quarto.

O mobiliário que se esconde na Casulo leva cerca de sete minutos a montar (ou a desmontar) e não necessita de qualquer tipo de ferramenta. Para as uniões, os criadores arranjaram soluções de encaixe direto, através de tecidos ou ímanes.

O conjunto inclui um guarda-fatos, uma secretária (de 80 x 60), um pequeno armário, duas caixas para arrumação, estante, cama e colchão (de 80 x 200).

Para não desperdiçar espaço, toda a caixa se converte em algo. A base transforma-se na estrutura da cama, o suporte nos pés da secretária, as partes laterais no guarda-fatos.

Os designers nem sequer ocuparam todo o interior. Como a Casulo foi feita a pensar em quem anda sempre em mudanças, tiveram até a simpatia de deixar um terço do espaço da caixa livre. O dono ainda pode, por isso, transportar mais qualquer coisa lá dentro.

A Casulo está à venda na Amazon por cerca de 200 euros. Vê no vídeo seguinte como é fácil a montagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *