Dizer “ele está grávido” vai passar a fazer mais sentido

Uma empresa sueca está a testar umas braceletes que permitem ao futuro pai sentir quando o filho dá um pontapé na barriga da mãe.

Um estudo realizado por uma marca de fraldas, em 2011, no Reino Unido, inquiriu 2000 pais e mostrou que o termo “grávido” fazia sentido, pois 25% dos inquiridos relatou sintomas semelhantes aos de uma mulher grávida. Uns afirmaram ter sofrido alterações de humor, outros náuseas e houve, até, quem dissesse ter tido desejos alimentares fora do comum.

Na Suécia, uma outra marca de fraldas, a Libero, divulgou há dias ter inventado um conjunto de braceletes que permitem ao pai sentir o mesmo que a mãe, quando o bebé estiver a dar pontapés dentro do ventre materno.

Quando sente o pontapé, a mãe só te de pressionar o botão da sua bracelete e um sinal vibratório é enviado em tempo real ao futuro pai.

A empresa está convencida que o BabyBuzz – assim se chama o dispositivo que está já a ser testado por alguns casais suecos à espera de bébe – vai permitir ao pai envolver-se emocionalmente com a criança desde mais cedo.

O produto só deverá estar à venda em finais deste ano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *