Hisilicon Balong

Será que és um ‘smombie’?

Não sabes o que é um ‘smombie’? É o resultado da junção de ‘smartphone’ com ‘zombie’. Nós explicamos-te.

És daquelas pessoas que até quando está a andar na rua é incapaz de tirar os olhos do telemóvel? Que consegue caminhar e enviar mensagens ao mesmo tempo? Se respondeste “sim”, fica a saber que és um ‘smombie’.

A palavra, que resulta da soma de ‘smartphone’ com ‘zombie’, foi inventada na Alemanha e faz parte da gíria dos jovens daquele país.

Os ‘teenagers’ alemães elegeram ‘smombie’ como uma das palavras mais marcantes de 2015 – a segunda a seguir a ‘tinderella’ (as jovens que tentam encontrar a cara-metade através do ‘Tinder’).

Mas, atenção, há ‘smombies’ de todas as idades. O ‘Wall Street Journal’ publicou, há dias, um artigo com um vídeo de rir (apesar do assunto ser sério, vê-o no final deste artigo) sobre o risco que correm os ‘smombies’.

O jornal pôs um homem disfarçado de ‘Chewbacca’ (personagem da série ‘Star Wars’) num passeio de São Francisco e comprovou que imensas pessoas que se cruzaram com ele não o viram. Exatamente pelo que estás a pensar: caminhavam e olhavam para o telemóvel ao mesmo tempo.

No artigo, explica-se que uma situação que começou por ser engraçada (já todos nós nos rimos por ver alguém ir de encontro a algo ou cair por estar a andar e a olhar para o telemóvel) se tornou num problema de segurança pública. Hoje há, até, quem tenha por profissão praticamente proteger ‘smombies’ de acidentes com carros. Ou vice-versa. Como um homem entrevistado pelo jornal, que é pago para estar à porta de uma garagem a gritar a carros ou a transeuntes de modo a evitar atropelamentos.

Dados oficiais citados pelo artigo mostram que, de 2010 para 2014, aumentou imenso o número de acidentes que tiveram como causa estes mortos-vivos dos tempos modernos (sem ofensa – nós, aqui deste lado, também nos incluímos no grupo).

Algumas cidades estão a levar o assunto muito a sério. Na capital sueca, Estocolmo, há já sinais de trânsito a alertarem para a presença destes transeuntes distraídos, que sofrem do que é conhecido em inglês por ‘inattentional blindness’ – designa o que aconteceu com a experiência de São Francisco, ou seja, o facto de as pessoas não verem algo que está visível e que é inesperado por estarem a executar outra tarefa.

Já a cidade chinesa de Chongping criou a primeira pista do mundo destinada a ‘smombies’ para evitar acidentes (foto acima).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *