Periscope: o Twitter alargou o campo de visão

O passarinho azul ganhou um olho vermelho. O Periscope transmite vídeo em direto e combina-o com texto e corações coloridos.

O Periscope não faz a coisa por menos: “Pode parecer loucura, mas queremos construir a coisa mais parecida com o teletransporte”.

Assim se apresenta a aplicação que o Twitter adquiriu e que permite aos seus usuários transmitir vídeos em direto via smartphones – embora também possa ser utilizada de forma independente, com contactos diferentes dos do Twitter.

Com o Periscope, a rede dos 140 carateres rende-se à imagem em movimento, mas complementa-a com palavras.

Quando decide transmitir um vídeo em direto, o utilizador dá um nome à transmissão e tanto emissor como recetores podem ir comentando por escrito o acontecimento.

A tónica deste Periscope, ainda com cheiro a novo, é posta na “partilha de experiências”, permitindo a quem vê sentir-se “presente” no local onde tudo está a acontecer.

Além das mensagens, quem estiver a ver (o emissor pode escolher apenas determinadas pessoas para assistir à transmissão) pode tocar no ecrã e enviar corações coloridos, expressando apreço pelo que se está a passar à distância.

As marcas já estão a usar o Periscope nas suas campanhas de marketing. A Adidas mostrou por Periscope, na quinta-feira passada, James Rodríguez a renovar o seu contrato com a marca desportiva.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *