O râguebi é que está a dar

O Campeonato do Mundo é uma excelente oportunidade para aprenderes a gostar desta modalidade. Sabes por que se joga com uma bola oval?

Pelo Campeonato do Mundo de Râguebi, que decorre em Inglaterra até ao proximo dia 31 de outubro, vão passar vinte equipas. No total, são 48 jogos e muita emoção para os amantes da modalidade.

Entre nós, o râguebi está longe de ter a popularidade do futebol. Mas há países onde ele tem muitos e fervorosos adeptos.

A Inglaterra é um deles (ou não fosse ela o berço do râguebi) e todos os países que foram colónias britânicas têm, também, uma grande tradição neste desporto – Austrália, Nova Zelândia, África do Sul (todas têm as suas seleções a disputar este Mundial).

Reunimos alguns dados sobre a história, as regras e a prática deste desporto para despertar a tua curiosidade. Se quiseres seguir o Campeonato, fica a saber que a Sport TV está a fazer a cobertura de todos os jogos.

– Pensa-se que o râguebi teve origem num jogo de futebol. É pelo menos assim que reza a lenda: um jovem inglês, William Webb Ellis, durante um jogo de futebol na sua escola, situada na localidade inglesa de… Rugby, teve um ato de rebeldia, pegou na bola com os braços e correu para o campo da equipa adversária. A semente de um novo desporto, para o qual alguns anos depois viriam a ser inventadas regras específicas, estava lançada;

– o troféu do Campeonato do Mundo de Râguebi tem, ainda hoje, gravado o nome do seu fundador, William Webb Ellis;

– o râguebi começou por jogar-se com uma bola redonda. Só no ano de 1835, a bola de râguebi passou a ter um formato oval, que a torna muito mais fácil de ser agarrada com as mãos e transportada pelos jogadores junto ao corpo;

– até pouco depois de 1860, as bolas de râguebi eram feitas com uma bexiga de porco e as suas medidas eram variáveis por isso mesmo, já que dependiam do tamanho da bexiga usada. Só nos inícios da década de 1860, a bexiga de porco foi substituída por borracha vulcanizada;

– a bola pesa entre 410 e 440 gramas e a superfície exterior é normalmente de couro ou de um material sintético apropriado. Quanto às medidas, oscilam entre os 740 e os 770 milímetros de comprimento e os 580 e os 610 milímetros de largura;

– no râguebi, o contacto físico entre os jogadores é grande e, apesar de poder parecer violento, é curioso notar que o jogo se rege por princípios básicos rigorosos, como a disciplina, o autocontrole, a camaradagem, o respeito mútuo entre os jogadores e um grande sentimento de lealdade;

– associamos o râguebi a jogadores robustos, o que não será indiferente ao treino que fazem – uma grande parte da preparação dos jogadores consiste em levantar pesos para se muscularem;

– calcula-se que este desporto é praticado por mais de três milhões de pessoas no mundo inteiro – homens, mulheres e crianças com diferentes aptidões e constituição física;

– em França, foi feito um estudo que mostra uma evolução impressionante do físico dos jogadores de râguebi no último século. O seu peso passou de 92 quilos a 109 em média nestes últimos cem anos;

– um jogo de râguebi tem uma duração de 80 minutos, divididos em duas partes, de 40 minutos cada;

– no jogo tradicional, há 15 jogadores de cada lado, oito avançados (geralmente os maiores e mais pesados) e sete defesas (por norma, mais pequenos e rápidos). A equipa de arbitragem é composta por um árbitro e dois árbitros auxiliares. Novas versões do desporto foram aparecendo, como o ‘râguebi de 7’ e o ‘râguebi de praia’;

– as equipas lutam pela posse da bola e por, através de capacidades técnicas, avançarem no terreno e marcarem pontos, o que pode acontecer de quatro maneiras: transportando, passando, chutando e colocando a bola no chão;

– o râguebi vai voltar a estar presente nos Jogos Olímpicos já no ano que vem, nas Olimpíadas do Rio 2016;

– a seleção da Nova Zelândia tem uma dança de guerra muito popular, com a qual intimida a equipa adversária. Chama-se ‘Haka‘, foi criada por um chefe de uma tribo Maori e a sua história remonta já ao século XIX.

Os espetadores do Campeonato do Mundo já puderam vê-la, no dia em que a Nova Zelândia defrontou a Argentina (e venceu). Foi assim:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *