10 Curiosidades sobre a Colômbia, o país de Shakira

Uma é logo sobre o nome: Colômbia chama-se assim em homenagem a Cristóvão Colombo.

1 – Colômbia tem um nome que muitos questionam se não deveria ser o nome da América, já que foi o navegador italiano (com fortes ligações a Portugal) quem descobriu aquele continente, em 1492. Na altura, porém, Colombo pensava ter chegado às Índias. O nome do continente é uma homenagem a outro italiano, Américo Vespúcio, que identificou a descoberta de Colombo como um novo continente. Colombo haveria de dar nome à Colômbia por sugestão de Simón Bolívar, o venezuelano que lutou pelo fim da colonização espanhola em muitos países da América Latina. Na realidade, antes de a Colômbia ser um país independente, o seu território fez parte de um país chamado Grande Colômbia (1821-1831), a que também pertenciam os territórios que hoje conhecemos por Equador, Panamá, Venezuela;

2Shakira é apenas uma das celebridades que associamos de imediato à Colômbia. Mas há muitas outras, como o Prémio Nobel da Literatura Gabriel García Márquez, “pai” da família Buendía dos “Cem Anos de Solidão”; Botero, o escultor das figuras de volumetria exagerada ou o futebolista James Rodríguez;

3- Apesar de não ser um país especialmente grande, por exemplo se comparado com o vizinho Brasil (sete vezes maior), a Colômbia é rica em biodiversidade, graças a uma variedade de ecossistemas considerável. O país é banhado pelo Pacífico e pelo Mar das Caraíbas, tem os Andes e a formação montanhosa costeira mais alta do mundo, a Serra Nevada de Santa Marta;

4 – No referente há fauna e flora há, por isso, muitos dados dignos de registo: é o segundo país com maior diversidade de borboletas do mundo e a principal casa para os colibris; por lá vivem anacondas (as maiores serpentes do mundo) e formigas a que muitos colombianos chamam um pitéu. As “hormigas culonas”, ricas em proteínas, são comidas fritas. No capítulo das plantas, uma curiosidade são os mais de três mil tipos de orquídeas. Outra é que a Colômbia é o segundo maior exportador de flores do mundo, logo a seguir à Holanda;

5 –na produção de esmeraldas, ninguém bate a Colômbia – 95% de toda a produção mundial é extraída do subsolo do país. E há outro importante produto colombiano que vale a pena mencionar, dada a relação estreita que mantemos com ele. Falamos do café. A Colômbia é o terceiro maior produtor de café, a seguir ao Brasil e ao Vietname;

6 – Sabes onde se realizou a primeira cesariana do mundo? Na Colômbia, precisamente. E, já que falamos de nascimentos, a Colômbia é, com quase 50 milhões de habitantes, o terceiro país mais populoso da América Latina, a seguir ao Brasil e ao México;

7- No ranking que mede o nível de desigualdade dos países (do Banco Mundial), a Colômbia surge como um dos mais desiguais. Ocupa o 7º lugar, logo depois de cinco países africanos e das Honduras. Cerca de 25% da população é pobre, vive com muito poucos pesos (a moeda colombiana), sendo que a pobreza é maior nas zonas rurais;

8 – A Colômbia é conhecida pelas suas guerrilhas, e por uma em particular as FARC, que há mais de 50 anos estão em guerra com as forças militares do país. Para compreenderes melhor as FARC e o acordo de paz assinado com o governo lê este artigo. Entretanto, fica a saber que a Colômbia está na posição 83 (em 167 países) no ranking mundial de perceção da corrupção de 2016 (Portugal está no 28º) e que, no Índice de Paz Global, ocupa a 147ª posição, ou seja, é um dos mais perigosos países do mundo (Portugal surge em 5º);

9 – Imaginas uma catedral feita de sal? Sim, sal, sal. A Colômbia tem uma, subterrânea, no interior das minas de sal de Zipaquirá, que atrai muitos turistas. Construída recentemente, ficou em primeiro lugar na eleição das 7 Maravilhas da Colômbia; 

10 – As Maravilhas da Colômbia são muitas mais. Oito estão incluídas na lista da UNESCO: seis estão relacionadas com a cultura, como o porto, as fortalezas e o conjunto monumental de Cartagena ou a paisagem “cafetera” da Colômbia, e duas com a natureza, como o Santuário de Fauna e Flora de Malpelo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *